Que época maravilhosa para ser nerd! Até pouco tempo atrás, lá nos idos dos anos 1980 e 1990, adultos gostarem de games, HQs, animes e afins, em sua maioria, não eram lá muito bem vistos pela sociedade. Hoje, vemos em toda parte famílias inteiras, pais, mães e filhos, trajando camisetas dos seus personagens favoritos, alegres e sorridentes por estarem compartilhando dessa paixão com tantas outras pessoas que igualmente nutrem especial afeição pelo conjunto de obras audiovisuais que fazem parte do que se convencionou chamar de Cultura Pop! Esse vasto público pôde se reunir e se divertir na Geek City 2019, o maior evento de cultura nerd do Sul do país, que aconteceu nos dias 30, 31 de Agosto e 1º de Setembro na Expo Renaut Barigui, em Curitiba e que, nesta sua 3ª edição, foi, de novo, um sucesso!

Muitos stands temáticos preencheram o local. Foi possível encontrar roupas, adereços, fantasias, broches e chaveiros relacionados aos mais diversos personagens. Ações promocionais de estúdios divulgando filmes vindouros também marcaram presença, como a de Boneco do Mal 2 e a do longa brasileiro O Clube dos Canibais. Vale destacar também os espaços destinados aos quadrinistas, que puderam mostrar seus novos trabalhos, e se dispuseram a dar autógrafos e tirar fotos. Entre eles, o curitibano José Aguiar, que já ilustrou para Maurício de Souza e atualmente faz sucesso com a divertida webcomic Malu, que narra as aventuras e desventuras de uma adolescente, é claro, curitibana.

Outra presença ilustre foi a de James O’Barr, o criador da clássica HQ O Corvo, na qual o protagonista Eric Draven volta dos mortos para vingar sua própria morte e a de sua noiva. A gótica história em quadrinhos originou aquele cultuado filme homônimo lançado em 1994 e protagonizado por Brandon Lee, longa-metragem marcado pela trágica morte do jovem ator que, durante as filmagens, foi atingido acidentalmente por uma bala de verdade. Essa história ganha contornos ainda mais sombrios quando lembramos que o famoso personagem criado por O’Barr foi inspirado na sua própria experiência de vida, pois, aos 18 anos, o escritor e ilustrador perdeu sua noiva em um igualmente trágico acidente de carro. Mas, durante a Geek City, James O’Barr desmistificou sua própria imagem de “deprê”, mostrando simpatia, inclusive quando subiu ao Main Stage para um bate-papo! E ele certamente curtiu o caprichado Cosplay da nossa amiga Camila Pereira!

Sem dúvida, uma das atrações que mais chamou a atenção este ano foi a Batman Expo Evolution, em comemoração aos 80 anos do Homem Morcego. Entre várias memorabílias relacionadas ao herói, destacaram-se as réplicas das máscaras e dos Batmóveis vistos no cinema, desde o da década de 1960 até o da fase “Batfleck”, passando pelos filmes de Tim Burton, Joel Schumacher e Christopher Nolan. Alguns vilões também foram lembrados, e é claro que não poderia faltar o maior de todos eles, o Coringa! Ao final da galeria, além dos bat-utensílios, três trajes completos do morcegão, para delírio de qualquer fã. Batman, 80 anos muito bem representados na Geek City!

A turma dos e-Sports também teve vários motivos para sorrir. A Arena Games reuniu alguns dos melhores atletas universitários e do circuito profissional de games do Brasil. O primeiro dia contou com as mais diversas partidas dos mais variados jogos. A final do Geek City CS: GO Challenger, o torneio universitário de Counter-Strike Global Offensive marcou o segundo dia, com a equipe vencedora, da UTFPR de Pato Branco, faturando o prêmio de R$ 2.500! E no terceiro dia, a decisão de outra competição: os Jungle Kings venceram o torneio DOTA CITY e faturaram nada menos do que R$ 6.000! Ao final dos torneios, o palco era liberado para o público extravasar a energia com o contagiante game Just Dance, entre outros. Vale ressaltar também que várias áreas de games estavam espalhadas pelo local, inclusive delirantes simuladores!

No Main Stage, muitos convidados enriqueceram o conteúdo cultural da Geek City. No primeiro dia, os presentes puderam assistir a um painel sobre a Gibiteca de Curitiba, outro falando da influência dos quadrinhos no cinema atual, com a participação do já citado José Aguiar, e o último, com o grupo humorístico Hermes e Renato recordando junto ao público o sucesso que fizeram nos anos 2000 na MTV, e falando de seus novos projetos. Contudo, a despeito de toda a proposta voltada para o “fantástico”, também houve espaço para papo sério, com Todd Ensign, nada menos do que o Diretor do Centro de Recurso de Educadores da NASA. Ele conferiu de perto a First LEGO League Jr., campeonato de robótica disputado por crianças de 6 a 10 anos, no qual elas desenvolvem, com peças de LEGO, ferramentas que podem ser utilizadas até na Lua! Os pequeninos da equipe que venceu, a Star Workers, foram premiados com uma viagem para a Califórnia, EUA, que farão em março do ano que vem, onde estarão representando o Brasil na próxima etapa do mundial! Belíssima iniciativa que só nos encoraja ainda mais a acreditar no elemento “fantástico” de nossas vidas, que pode se converter em algo maravilhosamente real.

No segundo dia, o CEO da Sato Company, Nelson Sato, trouxe novidades sobre o filme brasileiro do Jaspion, que está em fase de idealização. O carismático dublador Guilherme Briggs também se fez presente, revelando curiosidades de sua carreira, e fazendo algumas vozes ao vivo, como a do Buzz Lightyear, para alegria da plateia. Um pouco mais tarde, foi a vez de outro dublador icônico, Garcia Jr., a voz brasileira de ninguém menos do que Arnold Schwarzenegger, Jean Claude Van-Damme, He-Man e tantos outros. Com 42 anos de profissão, ele também contou muitas histórias de bastidores, e encerrou sua participação “dublando” um divertido e inesperado encontro entre Arnold, à procura do Predador, e Simba, que caminhava tranquilamente pela floresta. A nostalgia bateu forte nesse momento, e inevitavelmente remeteu todos os adultos ali presentes às suas infâncias, em que tinham tempo livre para assistirem alegremente ao filme do dia na Sessão da Tarde. Obrigado, dubladores, vocês fazem parte não só da nossa infância, mas da nossa vida!

Já no terceiro dia, o prestigiado crítico de cinema e amigo do Serial Cookies, Marden Machado, falou sobre a importância do resgate do cinema de rua com o  Cine Passeio, inaugurado recentemente em Curitiba, e do qual é curador. Marden destacou a proposta deste novo centro cultural, a de sempre trazer ao público uma programação diferenciada e alternativa ao circuito comercial de filmes, abrindo espaço para muitas outras obras que também merecem, e muito, serem conhecidas. Em seguida, integrantes do site jbox.com.br falaram sobre a criação e a evolução (literalmente) do tão popular anime Pokemon, um sucesso que já se prolonga por 20 anos, e que ainda tem muito mais a oferecer, principalmente por conta do recente longa-metragem que foi muito bem recebido pelo público mundo afora.

Pela primeira vez no Brasil, o jovem e promissor ator dinamarquês Alex Hogh Andersen, de 25 anos, marcou presença no palco principal da Geek City no segundo e no terceiro dia. O Ivar da série Vikings contou muitas histórias sobre as filmagens e quase revelou alguns spoilers do futuro da série, que caminha para seu final. Simpático, Alex disse ainda que gosta muito de fotografia e pretende lançar um livro só com os registros que fez ao longo dos anos durante as gravações de Vikings. A Fox Premium ainda exibiu, com exclusividade, em primeira mão, um teaser da sexta, e anunciada como última, temporada da série.

E o Mundo de Beakman (tem matéria sobre ele aqui no Serial Cookies) pôde ser assistido ao vivo na Geek City! Na Sexta, o ator Paul Zaloom, cheio de energia aos 67 anos, subiu ao palco para uma entrevista “formal”, na qual falou de seu saudoso programa infantil-educativo do qual os brasileiros se lembram com tanto carinho por tê-lo acompanhado na TV Cultura nos anos 1990. E no Domingo, ele voltou, devidamente caracterizado como o simpaticíssimo “cientista maluco”, e literalmente deu um show, com a participação de voluntários escolhidos na hora entre o público. Todos se divertiram e aprenderam um pouco mais sobe como funciona o cérebro humano e o de alguns animais. Um dos jovens ali presentes disse a Zaloom que seguiu carreira na ciência por influência dele e de seu programa. O norte-americano, por sua vez, disse que ouviu muito isso nos últimos três dias, e é sempre uma alegria saber. Paul Zaloom, o Beakman, deixou sua mensagem: aprendamos mais sobre ciência, ela é muito legal!

Finalmente, para que a atmosfera de fantasia tome conta de um evento nerd/geek, é necessário um elemento que faz toda a diferença: os Cosplayers! E nesse quesito a Geek City 2019 está de parabéns! Durante os três dias, a Expo Renault Barigui foi invadida por super-heróis, super-vilões, magos, bruxos, bárbaros, vikings, fadas, duendes, robôs, alienígenas… É uma verdadeira celebração da cultura nerd, um estilo de vida tão importante nos dias de hoje, em que games faturam bilhões de dólares no mundo todo, e igualmente superproduções do cinema arrecadam bilhões em bilheteria com histórias grandiosas protagonizadas por personagens fantásticos.

A final do concurso de Cosplays, que encerrou o evento, ao som de aplausos calorosos do grande público ali presente, testificou como é bom ser nerd hoje em dia e, principalmente, poder compartilhar esse gosto com amigos! É sensacional enxergar nos olhos das pessoas a felicidade, a alegria e o entusiasmo por estarem ali, vivenciando aqueles momentos mágicos, trajados de Cosplay ou não!

Vencedores do Concurso Cosplay

O espírito fantástico é o mesmo! Foram muitos reencontros felizes por parte deste que vos escreve, com os parceiros do Espaço Geek CWB, os Guerreiros Nerds, além, é claro, de Dorival Mores, cuja parceria viabilizou a cobertura do evento. Todos estiveram unidos por um objetivo comum, que foi alcançado: o grande público que esteve presente na Geek City 2019 celebrou alegremente a Cultura Pop! Que época maravilhosa para ser nerd! Missão cumprida! E que venha a Geek City 2020!


Sobre o autor: Roberto Oliveira é formado em Comunicação Social – Jornalismo. Desde o início de sua vida acadêmica, tem exercido a escrita em prol do cinema em sites nerd/geek. Também é locutor, e já entrevistou os membros do Serial Cookies em programas pra lá de divertidos! Defende a paz entre marvetes e decenautas, admira Star Wars, Lord of The Rings, X-Files, Lost, Black Mirror, Tim Burton, rock progressivo, tokusatsu e gostaria de ter o poder de parar o tempo pra conseguir assistir a todos os filmes e séries de seu interesse que ainda nem começou a ver, como… Game Of Thrones!